Cesul
Faculdade de Direito Francisco Beltrão

Cesul realiza 18ª Semana Acadêmica de Direito

Evento abordará a Visão Holística do Direito Contemporâneo, com palestras nos períodos matutino e noturno.

O Cesul – Centro Sulamericano de Ensino Superior – inicia hoje à noite, seguindo até quinta-feira, 24, no Auditório da instituição, a 18ª edição da Semana Acadêmica de Direito, com palestras nos períodos matutinos e noturnos. A professora Roseli Michaloski Alves, coordenadora do Curso de Direito do Cesul, convida todos a participarem. “O evento tem uma excelente programação, destaca a visão holística do Direito Contemporâneo, com palestrantes renomados. A semana acadêmica é imperdível para estudiosos do Direito, mas é aberta à comunidade”.

O evento é oferecido sem custos aos seus acadêmicos e ao público em geral. Apenas é pedido para que cada participante doe um quilo de alimento não perecível, um pacote de ração ou materiais escolares que serão repassados a várias entidades. Mais informações pelo cesul.br ou fone 3524-4242.

 

Programação

Hoje – início às 19h30, com palestra do Evinis da Silveira Talon, Advogado Criminalista, consultor e parecerista de Direito Penal e Processo Penal, que falará sobre o Tribunal do Júri na Prática: uma aplicação da teoria dos jogos. Depois a professora Aldina Pagani comandará o show de paródias.

Amanhã, dia 23 – as palestras serão em dois horários, às 8h30 e 19h30, com 4 palestrantes: Bruno Milanez abordará sobre ‘A Culpa é da Presunção de Inocência?’; Silvia Skaetta Nunes trabalhará as ‘Reflexões sobre a prisão em segunda instância”; Lourenço Antônio Rodrigues Figueira falará sobre ‘A prisão em segunda instância’; e Janaína Monique Zanellato Albino, que explanará sobre ‘Decisão do STF sobre a prisão em segunda instância’.

Quinta-feira, 24 – as palestras também serão em dois períodos. Angela Regina Urio Liston, psicóloga, falará sobre Depoimento Especial e escuta especializada: aplicação da lei nº 13.431/17 e garantia dos direitos da criança e do adolescente. Já o palestrante Parcelli Dionízio Moreira trabalhará, pela manhã, o desenvolvimento como liberdade e os fundamentos da justiça. E, à noite, Tributação e desigualdade no Brasil: um diálogo com a obra de Amartya Sem.

Evinis da Silveira Talon, palestrante de hoje à noite, enfatiza um pouco sobre sua abordagem. “Se existe algo no processo penal que só pode ser adequadamente aprendido por meio da experiência, é o tribunal do júri. O júri, por ter Juízes do povo, tem uma enorme distinção em relação ao processo julgado por Magistrados de carreira. É interessante notar que os jurados consideram tudo: pessoa que praticou e sofreu a conduta criminosa, maus antecedentes e processos em curso, consequências da pena em relação ao acusado, entre outros. Além disso, tentamos convencer os jurados. Em suma, no tribunal do júri precisamos entender como o jogo processual deve ser jogado. E esse será o objetivo da palestra”.

A palestrante Silvia Skaetta Nunes salienta que é preciso um melhor entendimento sobre interpretações da constituição. “É preciso estimular os alunos a uma melhor compreensão sobre a interpretação das normas constitucionais, com exemplos práticos, além da abordagem específica à decisão do STF, que é o tema principal”.

Data: 2018-05-22      Fonte: Assessoria
Voltar

Programas e Financiamentos

Fec Prouni Fies

Conecte-se

@DireitoCesul

Cursos e Eventos Vestibular

CESUL - Centro Sulamericano de Ensino Superior
® Todos os direitos reservados 2015 - 2016.

Contate-nos


Conecte-se


@DireitoCesul

CESUL - Centro Sulamericano de Ensino Superior
® Todos os direitos reservados 2015 - 2016.