Cesul

Imprensa Notícias

Curso de Direito do Cesul organizou um júri simulado

  • Google Plus
  • Pinterest
Publicado em

O evento foi aberto ao público e realizado pelos acadêmicos do 9º período.

Júri simulado no Auditório do Cesul. Segundo a professora Suyane Jansen, o objetivo é proporcionar aos alunos um juri o mais próximo da realidade. Foto: Assessoria.

Da assessoria – Desde o início do Curso de Direito do Cesul são mais de duas décadas visando proporcionar um ótimo aprendizado para os seus acadêmicos, tanto com ensino teórico quanto prático. E um dos diferenciais são os júris simulados que a instituição proporciona durante todo o curso, para vários períodos, de acordo com o conteúdo já estudado em sala. Nesta semana, o 9º período realizou um júri simulado no Auditório do Cesul, coordenado pela professora Suyane Jansen – que ministra a disciplina de Direito Penal.

Segundo a professora, o objetivo é proporcionar aos alunos um júri o mais próximo da realidade. “No curso os alunos possuem as matérias de estágio, nas quais são trabalhados aspectos da prática. Assim, desenvolvemos a cada semana um assunto novo para conhecer melhor o processo penal e as etapas que o constituem. Desta forma, há quatro semanas iniciamos o estudo para o tribunal do júri. Primeiro os alunos criaram o caso, o qual foi escolhido por sorteio. Na semana seguinte, dividimos o grupo em acusação, defesa e juíza, para definir o trabalho que seria desenvolvido por cada aluno dentro da dinâmica. Eles ficaram responsáveis pela elaboração das provas e das teses a serem desenvolvidas no julgamento. Para isso tiveram que analisar o caso, o posicionamento e estruturar muito bem as testemunhas e demais pontos importantes. Então realizamos o júri simulado, respeitando ao máximo o processo como se fosse real”.

O caso

A apresentação foi baseada em um assassinato de um homem no dia da virada do ano, que recebeu dois tiros, sendo um caso de homicídio. “Foi muito interessante proporcionar aos alunos essa atividade. Acredito no aprendizado da prática, porque assim é possível analisarem um caso concreto, aplicarem o Direito como serão exigidos e conseguem fazer a junção da teoria com o dia a dia. Só conseguimos aplicar o Direito se conseguirmos lembrar que atrás de um processo existe uma vida, uma história. Para mim foi uma alegria profissional ver os alunos se dedicando durante todo o processo e seguros dentro da atividade realizada. Ver cada um exercendo as funções de Ministério Público, defesa e decisão de forma aplicada só confirma que estamos no caminho certo”, comentou a professora.

Para os acadêmicos é muito importante participar de ações práticas durante a formação. “Quero agradecer à professora Suyane pela iniciativa de promover a atividade, na qual tive o privilégio de atuar como advogado do réu do caso concreto. Foi de imenso aprendizado, principalmente no que se refere à prática jurídica e à oralidade. Proporcionou aos estudantes que nos assistiram uma maior compreensão sobre o Tribunal do Júri, que é o procedimento competente para julgar crimes dolosos contra a vida. Justamente, a ideia principal era de se transmitir a realidade mais fiel possível. Buscou despertar o senso de justiça e a curiosidade diante do mundo jurídico”, destacou o acadêmico Mauricio Belincanta.

Visita

A apresentação foi aberta aos demais alunos e convidados. Entre eles, estavam os alunos do 3º ano do Colégio Cívico Militar Beatriz Biavatti, de Francisco Beltrão, que foram acompanhados pela diretora Adriana Kozelski, que também é acadêmica do 9º período do Cesul. Para ela, esta foi uma oportunidade de ajudar os futuros acadêmicos a definirem a sua profissão. “Nós sentimos a importância de preparar os estudantes oferecendo possibilidades para que conheçam o máximo de profissões possíveis, pois precisam optar, agora no Enem e em vestibulares, um futuro, escolher a profissão. E o Júri Simulado proporcionou ótimas opções ligadas ao Direito”.

A aluna Kerrolyn Aparecida da Silva, do 3º ano A, aprovou a participação. “Foi muito legal a experiência que tive ao visitar o Cesul. Gostei muito de participar do Júri Simulado e poder acompanhar a decisão do destino do réu. Achei muito criativo o fato de os próprios acadêmicos criarem o caso. E todos foram muito simpáticos e receptivos”.

  • Google Plus
  • Pinterest

46. 3524 4242 | contato@cesul.br
Av. Antônio de Paiva Cantelmo, 1222 - Centro
Francisco Beltrão - PR