Cesul

Imprensa Notícias

Formação sobre as tecnologias para o ensino

  • Google Plus
  • Pinterest
Publicado em

A educação está em constante mudança. Um grande aparato tecnológico (computadores, projetores, televisores, tablets e smartphones, entre outros) está incorporado ao cotidiano das pessoas e, certamente, a educação precisa se adaptar à nova forma de transmissão do conhecimento. É importante focar os estudos de tecnologias para melhorar o ensino e facilitar a vida de professores e alunos. Assim sendo, o Cesul – Centro Sulamericano de Ensino Superior – tem investido nessas diferentes e dinâmicas formas de ensino e sábado, dia 16, a instituição realizou uma formação pedagógica para orientação aos professores sobre as tecnologias que podem ser utilizadas no ensino/aprendizagem.

A internet desempenha um papel fundamental. O Moodle é um exemplo de ferramenta que facilita a vida de quem ensina e aprende, usando metodologias ativas, e no caso do Cesul, a plataforma foi adaptada às necessidades da instituição. Trata-se de um sistema de gerenciamento para criação de curso online, também chamado de Ambiente Virtual de Aprendizagem.

Com ele é possível criar ambientes virtuais que podem servir de apoio às aulas, o que ajuda no aprendizado, pela leitura antecipada de assuntos a serem tradados e discutidos em sala, debate em fóruns sobre conteúdos, bem como as tarefas a serem desenvolvidas em casa. Com isso, o aluno vai além do discutido em aula e expande seu conhecimento e reflexão sobre a disciplina. É uma ótima ferramenta para alunos interagirem com professores e colegas, pois serve como meio de divulgação de informações entre todos.

Além disso, o professor Robson Faria, coordenador do curso de Administração do Cesul, apresentou aplicativos de elaboração de questionários e preparação de testes rápidos, que podem ser usados em sala de aula para receber feedback em tempo real da aprendizagem do aluno. Através de um sistema de perguntas e respostas, o professor pode recolher, em tempo real, as respostas dos alunos, percebendo melhor a sua compreensão dos temas. “É uma ferramenta de apoio à aprendizagem independente, visto que ao permitir que o aluno possa responder aos testes e perguntas seguindo o seu próprio ritmo de trabalho, progredindo de uma questão para a seguinte, com informação sobre a correção ou não das suas respostas, proporciona-se uma maior interatividade na sala de aula e promove-se a positiva competitividade entre os alunos”, enfatiza Farias.

Alguns professores que já começaram a utilizar a referida ferramenta destacam a importância de recebem formações. “O uso da tecnologia da informação aplicada à educação melhora significativamente o processo de ensino-aprendizagem, pois facilita a discussão, organiza melhor os conteúdos e permite complementar as atividades usuais de sala de aula”, comentou o professor João Alexandre de Mello, responsável pela disciplina Gestão de Projetos. Compartilha de opinião semelhante a professora Keli Trindade, que neste semestre leciona Introdução ao Direito. “A formação de professores desempenha um papel importante na construção de uma nova personalidade docente. Nas aulas somos incentivados a aperfeiçoar as metodologias de ensino, buscando a aproximação dos alunos com as disciplinas do curso. Daí a necessidade de se inteirar de tais ferramentas”, complementa.

Data: 2019-02-26      Fonte: Assessoria
  • Google Plus
  • Pinterest

46. 3524 4242 | contato@cesul.br
Av. Antônio de Paiva Cantelmo, 1222 - Centro
Francisco Beltrão - PR